Página inicial

Cursos e Seminários

 


setembro 2019
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30          
Pesquise em
Cursos e Seminários:

Arquivos:
setembro 2019
agosto 2019
julho 2019
junho 2019
maio 2019
abril 2019
março 2019
fevereiro 2019
janeiro 2019
dezembro 2018
novembro 2018
outubro 2018
setembro 2018
agosto 2018
julho 2018
junho 2018
maio 2018
abril 2018
março 2018
fevereiro 2018
janeiro 2018
dezembro 2017
novembro 2017
outubro 2017
setembro 2017
agosto 2017
julho 2017
junho 2017
maio 2017
abril 2017
março 2017
novembro 2016
outubro 2016
setembro 2016
agosto 2016
julho 2016
junho 2016
maio 2016
fevereiro 2016
janeiro 2016
novembro 2015
outubro 2015
setembro 2015
agosto 2015
julho 2015
junho 2015
maio 2015
abril 2015
março 2015
fevereiro 2015
dezembro 2014
novembro 2014
outubro 2014
setembro 2014
agosto 2014
julho 2014
junho 2014
maio 2014
abril 2014
março 2014
fevereiro 2014
janeiro 2014
dezembro 2013
novembro 2013
outubro 2013
setembro 2013
agosto 2013
julho 2013
junho 2013
maio 2013
abril 2013
março 2013
fevereiro 2013
janeiro 2013
dezembro 2012
novembro 2012
outubro 2012
setembro 2012
agosto 2012
julho 2012
junho 2012
maio 2012
abril 2012
março 2012
fevereiro 2012
janeiro 2012
dezembro 2011
novembro 2011
outubro 2011
setembro 2011
agosto 2011
julho 2011
junho 2011
maio 2011
abril 2011
março 2011
fevereiro 2011
janeiro 2011
novembro 2010
outubro 2010
setembro 2010
agosto 2010
julho 2010
junho 2010
maio 2010
abril 2010
março 2010
fevereiro 2010
janeiro 2010
dezembro 2009
novembro 2009
outubro 2009
setembro 2009
agosto 2009
julho 2009
junho 2009
maio 2009
abril 2009
março 2009
fevereiro 2009
janeiro 2009
dezembro 2008
novembro 2008
outubro 2008
setembro 2008
agosto 2008
julho 2008
junho 2008
maio 2008
abril 2008
março 2008
fevereiro 2008
janeiro 2008
dezembro 2007
novembro 2007
outubro 2007
setembro 2007
agosto 2007
julho 2007
junho 2007
maio 2007
abril 2007
março 2007
fevereiro 2007
janeiro 2007
dezembro 2006
novembro 2006
outubro 2006
setembro 2006
agosto 2006
julho 2006
junho 2006
maio 2006
abril 2006
março 2006
fevereiro 2006
As últimas:
 

setembro 18, 2019

Trilhas artísticas com Diego Groisman, Fabiana Faleiros e Marina Camargo no MARGS, Porto Alegre

Artistas e curadores compartilham os percursos de suas trajetórias e pesquisas em encontros mensais no MARGS. A primeira edição reúne Marina Camargo (artista visual), Diego Groisman (curador, pesquisador, tradutor, produtor cultural e gestor da Casa Baka) e Fabiana Faleiros (artista visual e pesquisadora). A mediação será de Francisco Dalcol, diretor-curador do MARGS.

19 de setembro de 2019, quinta-feira, 14h às 17h30

MARGS - Auditório
Praça da Alfândega s./n, Centro Histórico, Porto Alegre, RS
51-3227-2311
Capacidade: 60 lugares (preenchidos por ordem de chegada)
Entrada Franca

O Museu de Arte do Rio Grande do Sul (MARGS) dá início a um ciclo de encontros que pretende trazer a público relatos de experiências sobre o desenvolvimento de trajetórias e pesquisas artísticas. Trata-se do projeto “Trilhas artísticas”, uma realização em parceria com o Instituto de Artes da UFRGS, que apresentará artistas e curadores abordando seus percursos e metodologias de trabalho. Inicialmente, serão três encontros, de setembro a novembro, sempre das 14h às 17h30min, no auditório do museu. A entrada é gratuita.

Os próximos dois encontros contarão com Daniel Escobar, Mayana Redin, Renata Sampaio, Elias Maroso, Richard John e Romy Pocztaruk (veja abaixo a programação completa). A coordenação do projeto “Trilhas artísticas” é da professora e pesquisadora Marina Câmara (UFRGS).

Sobre o “Trilhas Artísticas”

Trata-se de um ciclo de conferências de artistas e curadores abordando seus processos criativos e as metodologias de trabalho responsáveis pelo alcance de suas obras ou curadorias. Coordenada pela Profª. Marina Câmara, a iniciativa é uma parceria do Instituto de Artes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), por meio da Pró-Reitoria de Pesquisa (Propesq) e da Pró-Reitoria de Extensão (Prorext), com o Museu de Arte do Rio Grande do Sul (MARGS).

Ao longo de três encontros, os participantes apresentam e compartilham com o público os modos de operação que permitiram que seus trabalhos tivessem projeção profissional inclusive para além da cena local ou para além da cena artística restrita. Cada conferência contará com a presença de três participantes e a mediação de um convidado. Por ser uma atividade de extensão, quem tiver 75% de presença em todo o ciclo, poderá solicitar certificado de participação como ouvinte.

PROGRAMAÇÃO

19 de setembro de 2019, quinta-feira, 14h às 17h30
- Diego Groisman
- Fabiana Faleiros
- Marina Camargo
Mediação: Francisco Dalcol, diretor-curador do Margs

4 de outubro de 2019, sexta-feira, 14h às 17h30
- Daniel Escobar
- Mayana Redin
- Renata Sampaio
Mediação: Igor Simões, professor e historiador da arte

1 de novembro de 2019, sexta-feira, 14h às 17h30
- Elias Maroso
- Richard John
- Romy Pocztaruk
Mediação: Marina Câmara

Marina Camargo

O relato de Marina Camargo é estruturado a partir de uma série de trabalhos que apontam momentos de transição dentro de sua pesquisa artística. Através de uma reflexão sobre o seu próprio percurso, Marina busca pensar sobre uma ética do fazer artístico, situando seu modo de trabalhar em relação à pesquisa e práxis do artista, da formação do trabalho (prática de ateliê e pesquisa) até a sua existência no mundo (realização física do trabalho e os modos de exposição).

Diego Groisman

Será abordada sua trajetória como curador, com ênfase nas atividades desenvolvidas por meio da atuação como gestor da Casa Baka, um espaço autônomo que, desde 2016, tem como foco a realização de exposições e uma programação voltada à arte contemporânea. Entre os projetos que serão destacados está a exposição coletiva anual Registro, com três edições já realizadas (2017, 2018 e 2019), da qual é co-curador, e a exposição dos finalistas do Prêmio Aliança Francesa de Arte Contemporânea, à qual assina a curadoria.

Fabiana Faleiros

A conversa tratará da tese de Doutorado de Fabiana Faleiros: Lady Incentivo – SEX 2018: disco sobre tese, amor e dinheiro. Nesse disco-tese, a artista se move entre a escrita acadêmica e a criação artística, tencionando escrita sobre si mesma, visões acerca da economia da cultura brasileira e ficção. A partir de teorias e práticas feministas decoloniais, Fabiana busca desmontar ficções históricas que criaram a categoria “mulher universal” conectando com projetos que desenvolveu ao longo de sua trajetória artística. Entre os blocos mais densos de texto, intercala uma escrita sonora feita ao vivo em redes sociais durante o processo da pesquisa.

Sobre os participantes do primeiro encontro

Marina Camargo [Maceió/AL, 1980]
Artista visual que trabalha em várias mídias, incluindo vídeo, fotografia, instalação e desenho. Sua formação se divide entre Porto Alegre, cidade na qual realizou Graduação e Mestrado em Artes Visuais, na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS); e Barcelona e Munique, onde concluiu seus estudos na Akademie der Bildenden Künste. Atualmente, vive e trabalha em Porto Alegre e Berlim. Em sua obra, a noção de deslocamento define um modo de lidar com uma ordem estabelecida do mundo (tanto em relação ao deslocamento físico por espaços e lugares, como também conceitual). Referências cartográficas, históricas e geográficas são muitas vezes a base dos projetos que desenvolve.

Diego Groisman [Porto Alegre/RS, 1979]
Curador independente, pesquisador, tradutor e produtor cultural. É mestrando na linha de História, Teoria e Crítica no Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e bacharel em História da Arte pela mesma instituição. Desde 2005, dirige o espaço cultural Casa Baka, no qual vem desenvolvendo uma programação voltada à arte contemporânea. Em 2017, recebeu o Prêmio Jovem Pesquisador UFRGS, na categoria Linguística, Letras e Artes, pela sua pesquisa sobre as origens da arte abstrata no Rio Grande do Sul. Em 2019, recebeu o Prêmio Açorianos Incentivo Jovem Curador, promovido pela Secretaria da Cultura da Prefeitura de Porto Alegre e pela Aliança Francesa/Institut Français. Sua pesquisa acadêmica atual trata da modernidade na arte no RS na década de 1950, a partir das relações entre artistas locais e da América Platina.

Fabiana Faleiros [Pelotas/RS, 1980]
Artista-pesquisadora que trabalha na intersecção entre arte, produção de subjetividade e invenção de pedagogias a partir de perspectivas feministas decoloniais. É doutora em Arte e Cultura Contemporânea pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), com a tese Lady Incentivo SEX 2018: um disco sobre tese, amor e dinheiro. Costuma criar ambientes instalativos ativados com música, vídeo, oficinas e objetos-resíduos de performances. Participou da 10ª Berlin Biennale com o Mastur Bar, projeto iniciado em São Paulo como exposição individual na Solo Shows Gallery, que já itinerou pela Colômbia no Festival de Cine e Arte Queer Kuir Bogotá, na exposição 89 noches, no Museo de Antioquia (Medellin); e por Cuba na exposição Portate Bien, entre outras. Participou da residência Capacete – Documenta 14, na Grécia, em 2017. Colabora com o coletivo Daspu desde 2013. Em 2016, publicou o livro O pulso que cai e as tecnologias do toque por meio do Prêmio Proac Livro de Artista. Em 2019, foi professora convidada da Escuela Incierta, na Colômbia.

COORDENAÇÃO

Marina Câmara
Professora de História da Arte no Instituto de Artes da UFRGS; Pós-Doutoranda pelo Departamento de Letras Modernas da Universidade de São Paulo (USP); Pesquisadora, crítica e curadora independente; Doutora em Artes pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG); Mestre em Comunicação e Artes pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG); Especialista em Artes pelo Istituto Universitario di Architettura di Venezia (Iuav), na Itália; e possui Master em Comunicação pela Università di Siena, Itália.

Publicado por Patricia Canetti às 1:51 PM


setembro 15, 2019

Curso Complementar de Podcast no LabTec – CEFART, Belo Horizonte

A Fundação Clóvis Salgado promove, por meio do Centro de Formação Artística e Tecnológica – CFEART, o Curso Complementar de Podcast, ministrado por André Veloso Junqueira. As aulas acontecerão no LabTec do CEFART e as estarão abertas até o dia 19 de setembro por meio do Sympla. O evento é gratuito.

23, 24, 25, 26 e 30 de setembro - Inscrições até 19 de setembro de 2019

LabTec – CEFART
Av. Afonso Pena 1.537, Centro, Belo Horizonte, MG
Informações: 31-3236-7400
Inscrições online até 19/09

O Podcast se destacou como uma importante mídia para distribuição de informação na internet, em forma de áudio, que pode ser ouvida a qualquer momento por quem tem acesso a rede por meio de computadores ou smartphones.

O Curso Complementar de Podcast apresentará de forma prática todos os passos necessários para a produção de um programa de áudio para web, desde a construção do roteiro, todas as etapas do trabalho com áudio digital (captação, edição, finalização) e publicação do podcast, utilizando-se de ferramentas facilmente disponíveis aos participantes.

O ministrante do curso André Veloso Junqueira é Bacharel em Ciência da Computação pela UFMG, engenheiro de áudio, sound designer e diretor de cinematografia, além de editor e finalizador de vídeo, consultor de tecnologia para áudio, cinema digital, arte digital audiovisual interativa, música e artes cênicas. Desde 2009, é membro do coletivo artístico Os Conectores.

Curso Complementar de Podcast
Público-alvo: Interessados na temática
Dias do Curso: 23, 24, 25, 26 e 30 de setembro.
Horário do Curso: 13h30 às 17h30
Carga horária: 20 horas
Local: LabTec - CEFART - Palácio das Artes
Inscrições online até 19/09

Publicado por Patricia Canetti às 12:50 PM


Arredores da imagem: Roger Lerina fala no MARGS, Porto Alegre

O terceiro encontro do ciclo de palestras “Arredores da imagem: zona de investigações poéticas”, cuja programação deste ano tem lugar no MARGS, tem como convidado o jornalista Roger Lerina, cuja fala se intitula “A tela porosa: o cinema que se infecta de imagens”.

17 de setembro de 2019, terça-feira, às 17h

MARGS - Auditório
Praça da Alfândega s/n, Centro Histórico, Porto Alegre, RS
Capacidade: 60 lugares (por ordem de chegada)

“A TELA POROSA: O CINEMA QUE SE INFECTA DE IMAGENS”

Cinema expandido, transcinema, cinema ambiental. Desde meados dos anos 1960, cineastas e artistas vêm alargando o caráter convergente do cinema ao explorar cada vez mais a confluência de mídias no campo da imagem. Mas cinema e audiovisual são também indústria e comércio, atrelados à cultura de massas e ao sucesso financeiro. Essas imagens “contaminadas” de outras linguagens conseguiriam cativar um público mais amplo, para além do cinéfilo experimental e do apreciador de artes visuais?

Parceria entre o MARGS e a Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, o ciclo de palestras Arredores da imagem configura-se como um espaço de circulação e compartilhamento de investigações transdisciplinares em torno da noção de imagem e de suas multiplicidades teóricas e existenciais.

ARREDORES DA IMAGEM

Os dois primeiros encontros tiveram como convidado o escritor e jornalista Juremir Machado da Silva e a artista Vera Chaves Barcellos. Até dezembro, o ciclo de palestras vai trazer ao MARGS nomes de personalidades de destaque do cenário cultural, para conversar com o público em encontros mensais, às terças-feiras, sobre temas relacionados à imagem. A entrada é gratuita, e os espaços serão preenchidos por ordem de chegada. Entre os próximos convidados, estão Sandra Mara Corazza, Paola Zordan, Anelise de Carli, Edson Luiz André de Sousa, Claudio Levitan e Vanessa Silla (veja programação completa abaixo).

“Arredores da imagem: zona de investigações poéticas” é uma ação de extensão vinculada à FACED/UFRGS, com coordenação do professor e pesquisador Cristiano Bedin da Costa (DEC/FACED/UFRGS). Configura-se como um espaço de circulação e compartilhamento de investigações transdisciplinares em torno da noção de imagem e de suas multiplicidades teóricas e existenciais.

O vínculo entre universidade e museu é, assim, parte de uma triangulação plástica na qual o terceiro vértice é tão variável quanto decisivo: indagar, desde as artes, da literatura e da filosofia, o estatuto da imagem enquanto potência significante, é também recolher traços com vistas à composição de visibilidades outras para as diferentes práticas com as quais arquitetamos a nossa contemporaneidade. Um modo de viver junto entre-Vistas.

Entre proposições teóricas e procedimentos criadores vinculados às artes, à literatura e à filosofia, a proposta é estudar o estatuto da imagem na contemporaneidade, tendo-a como intercessora do pensamento em educação. O objetivo é estudar e discutir, desde diferentes campos de criação e respectivas proposições experimentais e conceituais, os modos através dos quais a imagem, em sua dimensão poética, pode se configurar como um intercessor para o pensamento em educação.

ARGUMENTO GERAL

Em Educação, questionar a imagem é antes alinhar-se à contemporaneidade em suas urgências. Frente à múltipla proliferação de imagens que caracteriza o nosso tempo, voltamo-nos a Italo Calvino e a defesa de uma pedagogia da imaginação enquanto exercício de um pensar por imagens, ou seja, uma pedagogia capaz de pôr em foco visões de olhos fechados, aptas a se inscreverem no real por meio de visibilidades inéditas: de currículo, de didática, de aula, de vida. Desse modo, indagar, desde as artes, a filosofia e a literatura, o estatuto da imagem enquanto potência significante, é também recolher traços para a composição de realidades outras para as práticas de pesquisa e docência, vinculando-as assim ao exercício de pensamento enquanto criação de novos sentidos. Nos arredores da imagem, talvez seja possível pensar em um conhecimento e em uma aprendizagem capazes de se configurar enquanto testemunhos não de uma Verdade, mas sim de um gesto poético.

ARREDORES DA IMAGEM – PROGRAMAÇÃO 2019
> 16/07/19: Juremir Machado da Silva
> 06/08/19: Vera Chaves Barcellos
> 17/09/19: Roger Lerina
> 29/10/19: Sandra Mara Corazza e Paola Zordan
> 26/11/19: Anelise de Carli e Edson Luiz André de Sousa
> 10/12/19: Claudio Levitan e Vanessa Silla
> Peça teatral El juego de Antonia, com Luciana Paz e Sergio Lulkin (horário e local a definir).

Todos os encontros são gratuitos e abertos à comunidade.
Informações: autonomaz@ufrgs.br

O MARGS funciona de terças a domingos, das 10h às 19h, sempre com entrada gratuita. Visitas mediadas podem ser agendadas no e-mail educativo@margs.rs.gov.br

SOBRE ROGER LERINA

Considerado um dos principais jornalistas culturais do Brasil, Roger Lerina é editor do site que leva sua marca, apresentador da Dicas de Quinta – uma coluna semanal de cultura no programa Sintonia da Rádio União FM, do podcast Cinema Falado na rádio Mínima, escreve uma coluna mensal no caderno Stilo do jornal NH e é repórter correspondente e comentarista de cinema do Canal Brasil (Globosat). Atua também como crítico de cinema, roteirista de eventos e projetos audiovisuais, curador de festivais de música e cinema, mestre de cerimônias em eventos e DJ nas (pouquíssimas) horas vagas, além de participar de júris em editais e premiações da área cultural.

Por quase 20 anos Roger trabalhou no jornal Zero Hora, onde tinha a coluna Contracapa – um espaço dedicado a notícias sobre música, cinema, artes visuais, teatro, dança e comportamento. Entre 2011 e 2015, apresentou o Programa do Roger, um programa de televisão diário dedicado à cultura na extinta TVCOM. É autor de três livros e tem artigos publicados em diversas revistas e coletâneas sobre cinema.

É autor dos livros "Mauro Soares – A Luz no Protagonista" (2015), volume da coleção Gaúchos em Cena, publicada pelo festival Porto Alegre Em Cena, “Ayrton Patineti dos Anjos: Lembranças, Sons e Delírios de um Produtor Musical” (Algo Mais Editora, 2018), biografia escrita em parceria com o jornalista Márcio Pinheiro, e “Escola Projeto 30 Anos: Livro, Música e Arte Fazendo Parte” (Editora Projeto, 2018). Participou com textos críticos das coletâneas “Os Filmes que Sonhamos: Coleção Lume Filmes Vol. 1” (Lume Filmes, 2011), “100 Melhores Filmes Brasileiros” (Abraccine/Letramento/Canal Brasil, 2016), “Documentário Brasileiro – 100 Filmes Essenciais” (Abraccine/Letramento/Canal Brasil, 2017) e “Animação Brasileira – 100 Filmes Essenciais” (Abraccine/ABCA/Letramento/Canal Brasil, 2018). Editou pela Artes & Ofícios Editora, entre outros títulos, a coletânea de textos "Cinema – Um Zapping de Lumière a Tarantino" (1995), de Luiz Carlos Merten, crítico de cinema do jornal O Estado de S. Paulo.

Roteirizou os quatro episódios da série de documentários para a televisão "Sul sem Fronteiras" (2000), sobre aspectos da cultura e da história gaúchas, produzida pela Zeppelin Produções e veiculada nacionalmente pela rede TVE. Foi corroteirista da minissérie "Tá no Sangue – Os Fagundes", veiculada pela RBS TV em 2016.

Foi curador da Mostra de Longas-Metragens do 10º Festival Internacional de Cinema da Fronteira (2018) e do 11º Festival Internacional de Cinema da Fronteira (2019).

Entre proposições teóricas e procedimentos criadores vinculados às artes, à literatura e à filosofia, a proposta é estudar o estatuto da imagem na contemporaneidade, tendo-a como intercessora do pensamento em educação. O objetivo é estudar e discutir, desde diferentes campos de criação e respectivas proposições experimentais e conceituais, os modos através dos quais a imagem, em sua dimensão poética, pode se configurar como um intercessor para o pensamento em educação.

Publicado por Patricia Canetti às 12:36 PM


setembro 5, 2019

Processo de seleção do Programa de Pós-Graduação em Artes da Unespar – Mestrado Profissional em Artes - Inscrições

Estão abertas as inscrições para a seleção do Programa de Pós-Graduação em Artes – Mestrado Profissional em Artes, da Universidade Estadual do Paraná (PPGARTES/UNESPAR). São ofertadas 20 vagas. As inscrições vão até 20 de setembro de 2019. O curso é inteiramente gratuito.

Quem pode se inscrever? Qualquer pessoa com curso superior completo.

O mestrado é exclusivo para professores? Não. O curso destina-se a profissionais da área cultural, artistas, pesquisadores e educadores.

Acessar Edital 010/2019 e ficha de inscrição.

Publicado por Patricia Canetti às 8:06 PM


setembro 1, 2019

Performance para gif na Galeria Ecarta, Porto Alegre

A Galeria Ecarta promove um workshop acerca da exposição em cartaz Como faremos para desaparecer, do artista Eduardo Montelli, a atividade propõe um trabalho de performance utilizando o corpo e objetos para a produção de animações em gif.

3 de setembro de 2019, terça-feira, das 14 às 17h

Fundação Ecarta
Av. João Pessoa 943, Farroupilha, Porto Alegre, RS
Inscrições: 51-4009-2970 ou por email

A partir da observação da mostra, haverá uma conversa sobre as múltiplas formas de pensar e fazer gifs pela perspectiva do processo artístico na contemporaneidade. Também serão apresentadas obras de artistas que ao longo da história desenvolvem experimentações referentes à performatividade própria das imagens em movimento, desde a fotografia, passando pelo audiovisual até o uso mais recente de gifs.

Os participantes devem trazer celular e algum objeto de escolha pessoal para os exercícios. O workshop é gratuito e integra o programa de curadoria educativa da Ecarta, elaborado pela artista Claudia Hamerski.

Publicado por Patricia Canetti às 11:47 AM