A comunidade digital formada pelo Canal Contemporâneo envolve pessoas e organismos que, com diferentes níveis de participação, navegam e irrigam a nossa rede. Esta seção apresenta os integrantes com vínculos a partir de associações, apoios, parcerias e patrocínios, e permite o acesso aos seus perfis e outras áreas relacionadas.
Canal Contemporâneo
emeio_ senha_
esqueceu seu emeio? esqueceu sua senha?
Pesquise por palavras e/ou expressões (entre aspas)

Perfil_

     
Marcio Zardo   Artista / Criador
jornalista
LOCALIZAÇÃO_
Rio de Janeiro   Rio de Janeiro    Brasil
CONTATO_
IDIOMAS_
português
francês
inglês
BIOGRAFIA / APRESENTAÇÃO_
Nascido em Santa Catarina em 1952, radicado no Rio, tem suas primeiras poesias concretas datadas de 1968. Nos anos setenta, produzia curtas metragens independentes em super-8. Participou da Mostra Nacional do Filme Super-8, em 1980, realizada no MAM, no Rio. Graduado em jornalismo em 1975 atuou por mais de 20 anos em comunicação empresarial. De 81 a 92, lecionou na Faculdade de Comunicação da Universidade Gama Filho. Em 1999 passou a dedicar-se integralmente às artes plásticas, participando de laboratório de arte no Centro de Artes Calouste Gulbenkian. A partir de 2001, estudou na Escola de Artes Visuais do Parque Lage, no Rio.
Zardo utiliza a palavra como elemento estrutural do seu trabalho. Agrega a poética da palavra a elementos plásticos procurando valorizar os vários códigos da visualidade.
“ Minhas poesias são apenas escombros ou fragmentos verbais e não aspiram a nenhuma "enlevação". Proponho uma reflexão sobre a própria poesia confrontada com os seus limites, o que resulta numa proposta de prosseguir na desmontagem das estruturas verbais do discurso convencional - insuficiente para abranger o universo da imaginação e da sensibilidade”.
Realizou as exposições individuais "Pronta para Consumo" - Galeria Espaço Imaginário-RJ/2010; APALAVRALAVRA – Solar Grandjean de Montigny - Centro Cultural PUC-Rio/2007; Arte no Limite: ou corrói, ou escorre - Galeria de Arte da Fundação Macaé de Cultura, RJ/2006; "Arte Sim-Arte Não" - Galeria Maria Martins, Universidarte, Rio/2005; "Vida-te" - Espaço Cultural Sérgio Porto, RIOARTE, Rio/2003
Participou de mais de trinta coletivas, dentre elas: OBRANOME III, em Alcobaça – Portugal/2013; Panorama Terra, no Consulado da Argentina - RJ/2012; OBRANOME II, nas Cavalariças da EAV do Parque Lage/2009; Projéteis de Arte Contemporânea, na Funarte - RJ/2003; Reactions, no Exit Art, em N.York - EUA/2002.

 



ENVIO DE CONTEÚDO_       CADASTRE-SE_       CONTATO_       SOBRE O CANAL_
Canal Contemporâneo - Todos os Direitos Reservados © 2005